You are currently viewing Polícia Civil e Militar autuaram em 75 residências com som excessivo na Ilha Comprida

Polícia Civil e Militar autuaram em 75 residências com som excessivo na Ilha Comprida

Multas podem chegar a R$ 7 mil e são vinculadas ao IPTU dos imóveis

A Divisão Municipal de Fiscalização reitera a proibição de eventos irregulares e festas públicas com som excessivo, MC, músicas eletrônicas e afins nas residências alugadas em finais de semana e informa que, em caso de desrespeito, a multa é vinculada ao IPTU do respectivo imóvel e pode chegar a R$ 7 mil. 

De acordo com o setor, em operações conjuntas noturnas com as Polícias Civil e Militar, foram aplicadas 75 autuações em residências com som excessivo entre janeiro e agosto deste ano.

Entre janeiro e agosto/21, Fiscalização Municipal, Polícias Civil e Militar autuaram em 75 residências com som excessivo na Ilha Comprida

Neste período, também foram cancelados cinco eventos irregulares de funk e pancadão e identificadas as residências frequentemente alugadas nos finais de semana e feriados para essa finalidade.

As multas tem como base a Lei Municipal 1673/2020. Se houver reincidência da infração, as multas podem dobrar. Também está proibido som automotivo excessivo nas vias e logradouros da cidade.

As autuações em veículos são aplicadas pela Polícia Militar e Dimutran.  Denúncias podem ser feitas de maneira anônima pelos telefones do Monitoramento: (13) 38427044, (13) 997419591 e (13) 996163508. Polícia Militar (13) 38422386.

Fonte: Município de Ilha Comprida – Assessoria de imprensa