You are currently viewing Prefeito pede apoio dos comerciantes para que adotem protocolos

Prefeito pede apoio dos comerciantes para que adotem protocolos

reuniao-covid-19-1-1024x766

A META É VENCER O DESAFIO DE CONCILIAR ECONOMIA E SAÚDE

Em reunião com os comerciantes do município realizada na tarde de quinta 14/01, na quadra da Escola Meu Recanto – com todos os protocolos de segurança – o prefeito Geraldino Júnior e a presidente do Comitê de Acompanhamento e Enfrentamento do Covid-19, Marize Magali Valota, pediram aos comerciantes, ambulantes, empresários e prestadores de serviços que sigam rigorosamente os protocolos preventivos da Fase Laranja do Plano SP, para que a cidade vença o desafio de conciliar Economia e Saúde.

O prefeito Geraldino Júnior afirmou que a meta é manter o comércio em funcionamento e, para isso, precisa do apoio irrestrito de todos. “A gente tem notado alguns comerciantes que não usam máscara.

Por isso, a gente veio aqui pedir a colaboração de todos para que a cidade dê o exemplo e adote todas as medidas sanitárias exigidas pelo Plano SP para controlar a incidência da doença no município, para mostrar a todos que estamos nos prevenindo e para continuarmos a trabalhar com segurança”, destacou o prefeito.

PREFEITO GERALDINO JÚNIOR PEDE APOIO DE TODOS OS COMERCIANTES PARA QUE ADOTEM OS PROTOCOLOS PREVENTIVOS AO COVID-19

Ao descartar a possibilidade de nova barreira sanitária, o prefeito também pediu a todos que cancelem todos os eventos que envolvam aglomeração e som alto.

De acordo com Geraldino, o município também vem adotando medidas importantes para conter aglomerações como a suspensão do Ilha Verão, do Carnaval, e fiscalização intensiva ao turismo de um dia. “Não temos mais o auxílio emergencial, precisamos trabalhar e, por isso, peço a parceria de vocês para darmos exemplo de cumprimento de todas as medidas preventivas em nossa cidade”.

reuniao-comerciantes-adotam-protocolos-ilha-comprida-1024x683
PREFEITO GERALDINO JÚNIOR PEDE APOIO DE TODOS

A diretora do departamento de Saúde, Vanessa Cristina Gimenes de Melo, apresentou as exigências necessárias para todos os segmentos comerciais e seus proprietários,  colaboradores e clientes  :  uso de máscara de maneira correta ( cobrindo nariz e boca) ; disponibilização de álcool gel 70 na entrada dos estabelecimentos ; controle de temperatura, redução do número de mesas e distanciamento de , no mínimo, um metro uma da outra no caso de restaurantes e  serviços que trabalham com alimentos e controle de acesso com limitação a 40% da ocupação- exigência da fase laranja do Plano SP, da qual está atualmente a Ilha Comprida.

A reunião contou com a presença da vice-prefeita Maristela Cardona, vereadores Rogério Revitti, Adolfo Teixeira, Daniel Ramos, membros do Comitê Covid e comerciantes. 

O município segue, desde o início da pandemia, em março de 2020, as determinações do Plano SP de Combate ao Covid-19. Para proteger a população, a Ilha também mantém, desde março, o Posto Avançado Covid- 24h, para atendimento exclusivo aos suspeitos e confirmados de Covid-19

Boletins frequentes mantém a população informada sobre a situação da pandemia no município. O município destaca que, enquanto não há a vacina, a prevenção é única arma contra a doença.


Fonte: Município de Ilha Comprida – Assessoria de imprensa